Você está em:

 


MOSTRA CASA ABERTA

 

13 de abril | terça | 20h
Local: Palco Principal - Teatro Vila Velha
Entrada: R$10 (inteira)

Grupos: Radar 1 – Grupo de Improvisação em Dança, Cia Samorodok, As Três Marias, Cia Norma Santana, Curso preparatório da Escola de Dança da FUNCEB, Cia de Jazz Viviane Lopes, Cia. de Dança Kika Tocchetto, Cia de Dança Robson Corrêia, Cia Corpus Edança, Bamberg Cia de Dança, Ramon Moura, Ballet Adalgisa Rolim, Líria Gomes, ETUDES, Mandala Brasil, EBATECA, Sabá Cia de Dança e Cia On Broadway.

Classificação etária: Livre
Duração: até 15 min cada grupo
Crédito da foto: Divulgação


ESPETÁCULO
DE-VIR

Cia Dita (CE)

 

14 e 15 de abril | quarta e quinta | 20h
Local: Palco Principal - Teatro Vila Velha
Entrada: R$10 (inteira)

Com seis anos de criação, a cearense Cia.Dita se auto-define como um “lugar de procura”, pesquisa e produção artística. A companhia tem no currículo diversas apresentações em festivais brasileiros relacionados à dança e ao vídeo. Criado em 2002, o espetáculo “De-vir” traz quatro bailarinos em cena pontuando as interferências do corpo com seu ambiente. O corpo entendido como uma mídia que avança por acelerações, rupturas, diminuições de velocidade. “De-vir” propõe intensificar esses movimentos ondulatórios engendrando a idéia de um novo design, que pode recompor a disposição e a ordem dos elementos essenciais que compõem as estruturas físicas de uma pessoa.

Classificação etária: 18 anos
Duração: 40 min
Crédito da foto: Alex Hermes

ESPETÁCULO
PRÊMIO VIVADANÇA

Estréia do espetáculo Odete, traga meus mortos - Edu (BA)

 

16 de abril | sexta | 20h
17 e 18 de abril | sábado e domingo | 18h
Local: Cabaré dos Novos - Teatro Vila Velha
Entrada: R$ 10 (inteira)

ODETE, TRAGA MEUS MORTOS é inspirado numa situação vivida pelo autor numa viagem. Nessa leitura, a morte perde a carga de sofrimento e cede espaço para lembranças de vidas cheias de experiências e possibilita a reflexão sobre a vida. Em cena, dois intérpretes-criadores retratam com humor e lirismo as relações interpessoais para enfatizar o aproveitamento da vida.

Classificação: Livre
Duração: 45 min
Crédito da foto : Luíz Antônio Jr.

EL CIELO EN MI BOLSILLO

Compañía Provisional Danza (Espanha)

 

17 de abril | sábado | 20h
Local: Palco Principal - Teatro Vila Velha
Entrada: R$10 (inteira)

Com sede em Madri, a companhia de dança contemporânea Provisional Danza tem à frente a premiada dançarina Carmen Werner. No espetáculo El Ciello em mi Bolsillo , ela se apresenta ao lado de Allejandro Morata, autor da coreografia. A companhia madrilena trabalha com temas contemporâneos, como a morte, a solidão, a estagnação da vida humana e a liberdade de escolher o próprio destino. Em cena, o resultado de um processo coreográfico baseado nas emoções, percepções, criações e corpos dos próprios bailarinos, envolvendo intérpretes e público.

Classificação etária: 18 anos
Duração: 50 min
Crédito da foto: Piti Prieto

SIN DIOS

Compañía Provisional Danza (Espanha)

 

18 de abril | domingo | 20h
Local: Palco Principal - Teatro Vila Velha
Entrada: R$10 (inteira)

Em sua segunda apresentação no Vivadança, a Provisional Danza apresentará a coreografia “Sin Dios” com a participação de toda a companhia – seis bailarinos. A Provisional Danza, que também costuma se apresentar em espaços urbanos e ao ar livre, trabalha com temas contemporâneos, como a morte, a solidão, a estagnação da vida humana e a liberdade de escolher o próprio destino. Em cena, o resultado de um processo coreográfico baseado nas emoções, percepções, criações e corpos dos próprios bailarinos, envolvendo intérpretes e público.

Classificação etária: 18 anos
Duração: 53 min
Crédito da foto: Piti Prieto e Elida Dorta

 
 
 

HOME | PROGRAMAÇÃO | O QUE É O FESTIVAL | PRÊMIO VIVADANÇA | CASA ABERTA | HIP HOP EM MOVIMENTO
PROMOÇÕES | CONTATO | NOTÍCIAS | TV VIVADANÇA

Tel.: +55 71 3083-4600 | Av. Sete de Setembro s/n - Passeio Público - Campo Grande - Salvador | Bahia | Brasil

Festival Vivadança - Todos os direitos reservados